Aos Fatos

Seja um apoiador

Checamos

Leia as últimas declarações checadas pela equipe do Aos Fatos

Mais

Explore todos os nossos conteúdos e checagens

Anúncio de vagas na Localiza é parte de esquema de roubo de dados pessoais

Por Amanda Ribeiro

17 de outubro de 2019, 15h29


Falsos anúncios de vagas na empresa Localiza (veja aqui) têm sido veiculados por páginas e perfis pessoais no Facebook para atrair usuários para um golpe de roubo de dados. Em nota, a assessoria da empresa afirmou que os anúncios não são verdadeiros e que vagas de trabalho são anunciadas apenas em canais oficiais.

Aos Fatos mostrou com exclusividade em 7 de outubro que publicações com vagas de emprego falsas servem como isca para roubar dados de usuários que estejam em busca de trabalho. As páginas que aplicam o golpe direcionam as pessoas a uma página similar à do Facebook, que pede dados de login e senha na rede social.

Compartilhados por páginas e perfis pessoais, os anúncios falsos acumulam, até a tarde desta quinta-feira, cerca de 1.600 compartilhamentos. Todas as publicações foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de monitoramento da rede social (entenda como funciona).


FALSO

Localiza. LEIA ATÉ O FINAL. Válido até 30/09. CONTRATA-SE: PRECISAMOS COM OU SEM EXPERIÊNCIA.
(masculino e feminino)
Restam: 19 vagas

Não é verdade que a empresa de aluguel de carros Localiza esteja contratando novos funcionários por meio de publicações divulgadas no Facebook. Em nota, a assessoria da companhia informou que os anúncios são falsos e que os interessados em vagas de trabalho devem acessar seus canais oficiais.

Em reportagem publicada no dia 7 de outubro, Aos Fatos mostrou que publicações semelhantes servem como isca para roubar dados dos usuários. As postagens pedem que os interessados digitem “sim” ou “ok” nos comentários do anúncio para iniciar uma conversa por mensagem privada. Ali, são requisitadas informações como a idade e a cidade de residência, além de ajuda no compartilhamento das falsas vagas.

Caso o usuário siga os procedimentos indicados pelas páginas durante a conversa, corre o risco de ter seus dados roubados, o que permite que outras pessoas tenham controle de sua conta na rede social. Com isso, o responsável pelo golpe tem acesso a uma série de informações pessoais, como fotos e mensagens privadas, e pode ter inclusive sua conta usada para fazer publicações sem consentimento.

Além dos anúncios falsos da Localiza, Aos Fatos já identificou publicações semelhantes na rede Havan, nas Casas Bahia, nos Correios, nas Lojas Americanas e outras que oferecem caixas de brinquedos infantis.

Colaborou Ana Rita Cunha.

Referências:

1. Aos Fatos (Fontes 1, 2, 3, 4, 5 e 6)