Aos Fatos

Seja um apoiador

Checamos

Leia as últimas declarações checadas pela equipe do Aos Fatos

Mais

Explore todos os nossos conteúdos e checagens

Não é verdade que Luciano Huck é sócio da produtora Porta dos Fundos

Por Luiza Bodenmüller

27 de dezembro de 2019, 14h32


Uma publicação que circula nas redes sociais afirma que o apresentador Luciano Huck é sócio do canal Porta dos Fundos (veja aqui). Segundo o texto, ele teria uma fatia da produtora do canal humorístico por meio da Joá Investimentos, holding da qual Huck é sócio. Em nota enviada ao Aos Fatos, no entanto, a assessoria do apresentador informou que a participação da Joá na produtora foi vendida em 2017. Em consulta às informações da empresa na Receita Federal, Aos Fatos confirmou que Huck não faz parte de seu quadro de sócios e administradores.

A desinformação foi publicada no dia 12 de dezembro e passou a ser difundida nas redes em meio à polêmica sobre o novo filme do Porta dos Fundos, A Primeira Tentação de Cristo, que apresenta Jesus Cristo como homossexual. Na última terça-feira (24), a sede da produtora, no Rio de Janeiro, foi alvo de ataque com coquetel molotov

Até o final da manhã desta sexta-feira (27), a peça de desinformação já acumulava mais de 2,3 mil compartilhamentos no Facebook. Todas as publicações relacionadas foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (entenda como funciona).


FALSO

Sim, isso mesmo. Luciano Huck é dono da Joá Investimentos, que possuiu uma fatia do Porta dos Fundos.

Um texto publicado no dia 12 de dezembro no site Notícia Brasil Online afirma que o apresentador da TV Globo Luciano Huck é sócio do canal Porta dos Fundos. Segundo a publicação, que ganhou difusão nas redes sociais, Huck usaria o canal como meio de propaganda para uma eventual campanha eleitoral com o objetivo de alcançar o público jovem. O apresentador, de fato, já teve participação indireta na produtora por meio de uma holding da qual é sócio, mas ela terminou em 2017.

Em nota enviada ao Aos Fatos, a assessoria de Huck esclareceu que a Joá Investimentos, que tem o apresentador como um dos sócios, vendeu a sua participação no Porta dos Fundos para o conglomerado de mídia Viacom. De acordo com a nota, Huck não tem qualquer sociedade com a produtora.

Aos Fatos também consultou as informações sobre a produtora na Receita Federal, onde, de fato não aparece a Joá Investimentos ou o apresentador entre os sócios e administradores da empresa. Já uma das sócias da Viacom, Carla Faria Westphal, consta como uma das diretoras.


A assessoria do canal Porta dos Fundos e o site Notícia Brasil Online também foram procurados para se manifestarem sobre o caso, mas não responderam até a publicação desta checagem. Aos Fatos atualizará o texto se a resposta for recebida.

Especial de Natal. O Porta dos Fundos e seus integrantes têm sido alvos de diversos ataques dentro e fora das redes sociais desde o lançamento do especial de Natal A Primeira Tentação de Cristo, no dia 3 de dezembro. No filme, Gregório Duvivier vive um Jesus Cristo que se assume homossexual. Aos Fatos já checou, por exemplo, que Fábio Porchat não é filiado ao PT, como afirmavam publicações nas redes, e que não foi acusado de fraudar documentos para burlar Lei Rouanet.

Referências:

1. Receita Federal
2. Aos Fatos (Fontes 1 e 2)