Aos Fatos

Foto antiga de prédio pichado circula nas redes como se mostrasse a USP

Por Luiz Fernando Menezes

13 de fevereiro de 2019, 14h03


Uma foto de 2010 que mostra a fachada repleta de pichações de um edifício abandonado em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, tem sido compartilhada nas redes sociais como se retratasse um prédio da USP (Universidade de São Paulo), o que não é verdade.

No Facebook, a imagem foi associada enganosamente à instituição de ensino em publicação da página Politizando, que já acumulava mais de 1.500 compartilhamentos até o início da tarde desta quarta-feira (13). Procurados por Aos Fatos, os responsáveis pela página não se manifestaram.

Essa e outras publicações com o mesmo conteúdo enganoso — que, juntas, somam mais de 8 mil compartilhamentos — foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação do Facebook (entenda como funciona).


FALSO

É uma favela? NÃO, é a USP (Universidade de São Paulo), onde estava aquartelada a esquerda ‘democrática’ que insistia em ‘consertar’ o país. Se não respeitam o patrimônio PÚBLICO, como irão ‘consertar’ o Brasil?

Nada tem a ver com a USP. O prédio que aparece na foto é o Edifício Elisa, que fica no número 2.621 da Rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, na zona oeste da capital paulista. A foto foi tirada em 2010 por Douglas Nascimento, do site São Paulo Antiga.

Hoje, aliás, a situação do edifício é outra. Em junho de 2017, registro mais recente do Google Maps, o prédio havia sido reformado e estava pintado de branco, sem pichações. Compare abaixo:

Procurada por Aos Fatos, a página Politizando, que publicou o post enganoso no Facebook, não respondeu até a publicação desta checagem.