Aos Fatos

Seja um apoiador

Checamos

Leia as últimas declarações checadas pela equipe do Aos Fatos

Mais

Explore todos os nossos conteúdos e checagens

Moro não disse na CCJ que fecharia o Congresso se contasse a verdade

Por Amanda Ribeiro

4 de julho de 2019, 15h38


Não há registros de que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, tenha dito em sessão na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados na terça-feira (2) que, se contasse a verdade sobre os parlamentares, teria que “prender todos e fechar o Congresso!” (veja aqui). A declaração, na realidade, foi criada e publicada no Twitter pelo perfil satírico Falha de S.Paulo.

A frase enganosa consta em posts de páginas e perfis pessoais no Facebook que somavam cerca de 1.200 compartilhamentos até a manhã desta quinta-feira (4). Todas as postagens com este conteúdo foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de monitoramento da rede social (veja como funciona).


FALSO

Em meio a ataques na Câmara, Sérgio Moro dispara: 'Se eu falar a verdade, vou ter que prender todos e fechar o congresso!'

A declaração acima não foi proferida pelo ministro Sergio Moro na audiência da CCJ da Câmara sobre o vazamento de trocas de mensagens atribuídas a ele e divulgadas por The Intercept Brasil. Na transcrição integral da reunião, Aos Fatos não identificou qualquer menção a essa frase exata ou a outras com o mesmo sentido.

Também não há declaração semelhante no vídeo da sessão, postado na conta do YouTube da Câmara dos Deputados.

A imagem que tem circulado no Facebook, na verdade, foi produzida a partir de um tweet do perfil satírico Falha de S.Paulo (veja abaixo), que imita a identidade visual do jornal Folha de S.Paulo. Nas publicações analisadas, no entanto, o logo da página foi retirado e não há indicações de autoria ou de que se trata de uma declaração falsa.

Referências:

1) Câmara dos Deputados
2) TV Câmara
2) G1