Aos Fatos

Seja um apoiador

Checamos

Leia as últimas declarações checadas pela equipe do Aos Fatos

Mais

Explore todos os nossos conteúdos e checagens

Instituto Ayrton Senna não autorizou música para campanha de Bolsonaro

Por Ana Rita Cunha

27 de outubro de 2018, 22h13


É FALSA a informação que Viviane Senna, irmã do piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna e diretora do Instituto Ayrton Senna, autorizou o uso do “Tema da Vitória” no último programa eleitoral do candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Em nota, o Instituto Senna informou que não detém os direitos autorais da música e não autorizou o uso da imagem de Senna nem a associação da imagem do piloto em campanhas eleitorais.

A informação foi verificada por Aos Fatos e pelo Fato ou Fake, iniciativa de checagem do Grupo Globo. O vídeo que circula nas redes sociais, inclusive sendo compartilhado por páginas de apoio ao candidato do PSL, contém trechos de duas peças de propaganda eleitoral de Bolsonaro que foram veiculadas na primeira semana de campanha do segundo turno das eleições.

O vídeo circula no WhatsApp e nas redes sociais desde quinta-feira (25). Em uma das publicações, na página Bolsonaro Ribeirão Preto, o vídeo, publicado na última sexta-feira (27) tinha 15 mil visualizações e 1,5 mil compartilhamentos. O conteúdo foi denunciado por usuários do Facebook e classificadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (entenda como funciona).


FALSO

Despedida do horário eleitoral do Bolsonaro, onde foi autorizado pela Viviane Senna a usar o "Tema da Vitória" no piano.

É FALSA a informação que Viviane Senna, irmã do piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna e diretora do Instituto Senna, autorizou o uso do “Tema da Vitória” no último programa eleitoral de Jair Bolsonaro. A informação aparece no texto que acompanha vídeo falsamente apresentado como “despedida do horário eleitoral do Bolsonaro” e foi compartilhado por perfis pessoais e páginas do Facebook de apoio ao político como a Bolsonaro Ribeirão Preto.

Em nota publicada na página oficial do Instituto Senna, a organização informou que não detém os direitos autorais da música e não autorizou o uso da imagem de Senna nem a associação da imagem do piloto em campanhas eleitorais.

A música “Tema da Vitória” foi usada como trilha sonora pela Globo nas vitórias do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 em 1983 e a partir de 1986 passou a ser usada para as vitórias de pilotos brasileiros. A música foi tocada nos três títulos de Ayrton Senna e ficou popularizada como música do Senna.

O vídeo que circula nas redes sociais contém trechos de peças de propaganda eleitoral de Bolsonaro que foram veiculadas na primeira semana de campanha do segundo turno das eleições. Partes do vídeo tem imagens da campanha divulgada no dia 12 de outubro e parte é de imagens da campanha no dia 13.

Neste sábado e domingo, a equipe do Aos Fatos se uniu a outras cinco agências de checagens de notícias no Brasil para verificar as mensagens de conteúdo suspeito nesta reta final das eleições. A ideia de juntar forças é para ganhar mais agilidade e aumentar o alcance das checagens. A parceria reúne o Fato ou Fake, Projeto Comprova, Lupa, Boatos.org e e-Farsas.