Aos Fatos

Foto de faixa com 'Fora Bolsonaro' e 'Liberdade para Lula' é de março, não de ato pela Educação

Por Luiz Fernando Menezes

16 de maio de 2019, 12h36


A foto de uma faixa com os dizeres "Fora Bolsonaro" e "Liberdade para Lula" foi estendida por militantes do PCO (Partido da Causa Operária) em ato no dia 31 de março deste ano, não em uma das manifestações desta quarta-feira (15) contra o corte de despesas na Educação, como querem fazer crer publicações que circulam nas redes sociais.

A peça de desinformação foi publicada por perfis pessoais no Facebook e já acumulava mais de 4.000 compartilhamentos até o começo da tarde desta quinta-feira (16). Todas as publicações foram marcadas por Aos Fatos com o selo FALSO na ferramenta de verificação (entenda como funciona).


FALSO

A Greve da Educação tem dois objetivos: Gritar: ‘FORA BOLSONARO E LULA LIVRE’.

Uma imagem de um ato realizado pelo PCO (Partido da Causa Operária), por Comitês da Luta contra o golpe e outras organizações da esquerda no dia 31 de março em São Paulo está sendo compartilhada nas redes sociais como se fosse dos protestos ocorridos na última quarta-feira (15) contra os cortes na Educação.

O ato, realizado na Avenida Paulista, em São Paulo, reuniu cerca de mil pessoas em frente ao Masp (Museu de Arte de São Paulo). O objetivo era demonstrar repúdio à celebração do golpe militar de 1964 autorizada pelo governo Bolsonaro.

Essa é a segunda imagem de outra manifestação checada por Aos Fatos que circula pelas redes como se representasse a greve realizada na última quarta-feira (15). Uma foto de uma manifestação pró-Dilma em 2016 ocorrida em Natal também foi utilizada para sugerir que a greve foi um movimento político da esquerda.