Aos Fatos

Seja um apoiador

Checamos

Leia as últimas declarações checadas pela equipe do Aos Fatos

Mais

Explore todos os nossos conteúdos e checagens

É falso que Lula tem um gabinete próprio dentro da PF em Curitiba

Por Luiz Fernando Menezes

23 de setembro de 2019, 14h56


Não é verdade que o STF (Supremo Tribunal Federal) permitiu que o ex-presidente Lula tenha um gabinete dentro da sede da PF (Polícia Federal) em Curitiba, como afirmam publicações que circulam nas redes sociais (veja aqui). Além de não existir decisão semelhante por parte da corte, a foto usada nas peças de desinformação mostra a sala de visitas da PF, onde Lula recebeu membros do CNDH (Conselho Nacional de Direitos Humanos) na semana passada.

Publicações que trazem a desinformação já reúnem até esta segunda-feira (23) ao menos 35 mil compartilhamentos no Facebook, onde foram denunciadas por usuários. Todas foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (veja como funciona).


FALSO

Novidade da pior espécie. O STF liberou um “gabinete” dentro da PF para o presidiário poder despachar. Parem o Brasil, pois eu quero descer.

Com uma foto que mostra o ex-presidente Lula em uma sala com mais cinco pessoas, publicações que circulam nas redes afirmam que o petista tem um gabinete para despachar dentro da Polícia Federal em Curitiba, onde está preso. Segundo as postagens, o STF teria autorizado esse benefício. No entanto, a corte não concedeu nenhuma decisão sobre esse tema. A imagem que acompanha a publicação também não retrata um gabinete. Ela foi registrada na sala de visitas da PF durante encontro entre o ex-presidente, dois advogados — Valeska Martins e Cristiano Zanin — e três membros do CNDH, que ocorreu no dia 17 de setembro.

A visita foi autorizada pela juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, no dia 6 de setembro, e tinha o objetivo de apurar supostas violações de garantias constitucionais em processo contra o ex-presidente que foram denunciadas com base nas mensagens trocadas entre integrantes da operação Lava Jato reveladas por The Intercept Brasil.


A reunião ocorreu em uma sala regular da PF em Curitiba, conforme afirmou o presidente do CNDH, Leonardo Pinho, em nota enviada ao Aos Fatos. Ainda segundo Pinho, trata-se da mesma sala onde Lula concedeu entrevistas anteriormente.

Aos Fatos também não encontrou nenhuma informação sobre uma suposta decisão do STF para que Lula pudesse ter uma gabinete próprio dentro da sede da PF. Em nota enviada à reportagem, a assessoria do STF negou ter havido qualquer decisão semelhante. A última decisão do Supremo sobre algum processo do petista ocorreu no dia 29 de agosto, quando o ministro Edson Fachin negou o pedido de liminar da defesa de Lula.

O Boatos.org também checou essa peça de desinformação como FALSA.

Referências:

1. CNDH (Fontes 1 e 2)