Aos Fatos

Carta a Lula que circula nas redes não foi escrita pela cantora Maria Bethânia

Por Luiz Fernando Menezes

30 de abril de 2019, 11h50


Não foi a cantora Maria Bethânia quem escreveu a carta endereçada ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que circula nas redes sociais desde o fim de semana, mas a procuradora aposentada do Ministério Público de Pernambuco Maria Betânia Silva.

Por meio de assessoria, a artista negou ao Aos Fatos nesta terça-feira (30) a autoria do texto. Já o MP-PE confirmou que a carta foi escrita pela procuradora aposentada, que também divulgou uma nova versão nas redes sociais para tentar desfazer o mal-entendido com a cantora.

A falsa atribuição ganhou tração nas redes sociais após a publicação da entrevista do ex-presidente, preso há um ano em Curitiba, à Folha de S.Paulo e ao El País, na última sexta-feira (26). Disseminada como corrente no WhatsApp, onde foi denunciada por leitores do Aos Fatos (inscreva-se aqui), a informação enganosa também consta em posts no Facebook, como na página Brasileiros no exterior PRÓ PT 2018, e acumulava mais de 4.000 compartilhamentos no Facebook até a tarde desta terça. Todas essas publicações foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (entenda como funciona).


FALSO

Carta de Maria Bethânia para Lula. ‘LULA, EU NÃO SOLTO A SUA MÃO (...)’.

O texto tem sido atribuído enganosamente à cantora Maria Bethânia, mas, na verdade, foi escrito por uma quase homônima: Maria Betânia Silva, procuradora aposentada do Ministério Público de Pernambuco. Na tarde desta terça-feira (30), o órgão confirmou a autoria dela não só da carta mas de um texto publicado posteriormente nas redes sociais em que ela tenta desfazer o erro e reafirma ser a autora original da peça.

Procurada por Aos Fatos nesta terça-feira (30), a cantora Maria Bethânia disse, por meio de sua assessoria, não ser a autora do texto. Além disso, a carta não foi veiculado por Bethânia nas redes sociais, já que a cantora não tem perfis oficiais nesses canais.

Disseminadora da desinformação no Facebook, a página Brasileiros no exterior PRÓ PT 2018 também foi procurada por Aos Fatos e não respondeu até a publicação desta checagem.

Maria Bethânia não é a autora da carta endereçada a Lula, mas há manifestações pública suas em favor do ex-presidente e de políticos do PT. Nas eleições do ano passado, ela declarou voto em Fernando Haddad. Após o pleito, em entrevista ao Estadão, a cantora revelou já ter feito campanha para os ex-presidentes Lula e Fernando Henrique Cardoso (PSDB), mas ressaltou: "não gosto de política. Não sou nem PT nem partido nenhum". Em 2014, durante entrevista ao músico Jorge Mautner, a cantora enalteceu a ex-presidente Dilma Rousseff (PT).


Esta checagem foi alterada às 18h de 30 de abril de 2019 para incluir resposta do Ministério Público de Pernambuco que confirma ser a procuradora aposentada Maria Betânia Silva a autora da carta a Lula.